Microsoft decreta: SEO é a habilidade mais importante no marketing

Atualizado: Mai 27




Estudo publicado pela gigante da tecnologia Microsoft, e analisado originalmente pelo Search Engine Journal, aponta as principais tendências do mercado de marketing para a próxima década. No topo da lista, o SEO (Search Engine Optimization) têm sua relevância comprovada.

Desenvolvido a partir de uma pesquisa do LinkedIn, o estudo realizado pela Microsoft analisou os dados de 600 participantes seniores do marketing global. De acordo com os resultados do material, as habilidades que mais serão exigidas pelo mercado de marketing nos anos 2020 serão:


Hard skills (ou habilidades técnicas)

  • SEO (search engine optimization)

  • Análise de dados

  • Redação

  • Análise de comportamento

  • Automação

Soft skills (ou habilidades comportamentais)

  • Criatividade

  • Humildade

  • Empatia

  • Adaptabilidade

  • Transparência

Se você está lendo isso, provavelmente já está saindo na frente em relação aos assuntos que envolvem o SEO. Agora você pode desenvolver melhor habilidades que você já tem e ficar atento para melhorar pontos fracos que já tenha identificado.

Por exemplo, SEO e análise de dados andam praticamente de mãos dadas, assim como interpretar os dados são uma necessidade clara para mensurar o sucesso de uma campanha. Adicionando uma habilidade como a análise de comportamento, a interpretação pode alcançar um novo nível, ajudando assim no entendimento não só do que os usuários estão fazendo - mas por que estão agindo dessa forma.

Automações trabalham de forma integrada com SEO, mas não conseguem interpretar as figuras de linguagem da comunicação. Ou seja: ainda não consegue encaixar peças do quebra-cabeças como os redatores fazem. Sites precisam de conteúdo em texto para serem bem ranqueados em resultados de pesquisa, e boas habilidades de redação podem ser o grande diferencial para a permanência ou abandono dos usuários diante do seu conteúdo.

Outras tendências importantes para o marketing

Confira alguns dos pontos destacados pelo estudo da Microsoft especificamente relacionadas ao mercado de pesquisas.

1. Anúncios pagos que não levam a uma página de site

Deve se tornar cada vez mais comum que os anúncios pagos não direcionem o usuário para uma página única. Imagine um anúncio interativo que permita você decida a própria jornada de acordo com suas escolhas na peça. Esse tipo de interação pode substituir a prática atual e criar uma experiência mais fluida entre sua marca e os usuários.

2. União de mídias

O estudo da Microsoft também prevê a consolidação de uma nova oferta de anúncios e publicidade de um modo geral. Telas, usuários e buscas vão convergir para criar um novo formato de publicidade on-line, melhorando a comunicação organizacional das informações.

3. Descobertas visuais

Outra tendência para ficar de olho, de acordo com a pesquisa da gigante de tecnologia, é experiência de buscas guiada por elementos visuais — desbancando o modelo guiado apenas por texto e links. Usuários estão cada vez mais viciados em telas e nossas retinas buscam, a cada segundo, fatores de destaque em tudo que está diante dos nossos olhos - o que está por trás do link que clicamos? Que imagem deve surgir na sequência? Não seria mais fácil tirar uma foto de algo que você quer pesquisar do que tentar traduzir seu desejo em palavras?

4. Tudo é uma questão de mindset

Com isso, profissionais do mercado de marketing, conteúdo e publicidade devem focar na entrega de experiências customizadas. E não pense em um anúncio ou peça, mas em experiências completas que respondam aos anúncios. É assim que as marcas vão se destacar diante da concorrência cada vez mais acirrada.

Na década de 2020, a maré estará a favor de empresas que nascem a partir da filosofia centrada no consumidor e no que a tecnologia pode entregar como experiência.

Quer conferir o estudo completo da Microsoft? Veja aqui!



18 visualizações

Copyright © Prosperidade Conteúdos