Facebook Ads ou impulsionamento de postagens: Qual é a melhor estratégia para o seu negócio?

Atualizado: Mai 27


Anúncios pagos, especificamente no Facebook, é um componente essencial da sua estratégia de marketing digital. Isso está claro; mas o que pode não estar tão claro é qual tipo de estratégia de marketing do Facebook seria melhor para o seu negócio.


Estamos aqui para esclarecer a grande diferença entre impulsionar as postagens no Facebook e utilizar os anúncios do Facebook. O que é certo para você dependerá, é claro, de suas metas de marketing e orçamento. Confira a seguir as principais informações sobre Facebook Ads e o impulsionamento na rede.


O que é o impulsionamento pelo Facebook?


Um impulsionamento é basicamente uma publicação que você investe dinheiro para exibir como um anúncio do Facebook para um público específico no feed de notícias do Facebook e no Instagram.


Os impulsionamentos são bem fáceis porque você não precisa criar nada de novo. Você pode fazer uma postagem que já foi criada (ou criar uma nova), escolher um público-alvo, um orçamento e definir por quanto tempo você deseja exibir o anúncio. As postagens impulsionadas têm otimização limitada, centrada em curtidas, comentários, compartilhamentos e reconhecimento geral da marca.

O que é Facebook Ads?

Já o Facebook Ads é o recurso mais sofisticado e “irmão” dos posts impulsionados. Eles são criados como peças separadas por meio do Gerenciador de anúncios do Facebook e podem ser otimizados para instalação de aplicativos, conversão de cliques para sites, visualizações de vídeos, pedidos de loja e muito mais.


Impulsionamento x Facebook Ads: principais diferenças

No geral, a publicidade no Facebook é incrivelmente econômica. Com quase 2,5 bilhões de usuários no Facebook todos os meses e recursos de publicidade altamente segmentados, esta é uma plataforma de publicidade que todo anunciante deve incluir em seu orçamento de marketing se seu público estiver presente.


Mas você deve investir seu dinheiro em marketing para impulsionar suas postagens no Facebook ou criar anúncios no Facebook? Para decidir, vamos começar com dois diferenciais principais:


  • O impulsionamento permite que você direcione seu público-alvo de forma simples com identificadores, como comportamento, interesse, demografia e geografia. Os anúncios do Facebook oferecem a capacidade de segmentar com mais precisão (falaremos mais sobre isso posteriormente).


  • O Impulsionamento melhora o alcance de uma postagem em geral, mas os anúncios do Facebook melhoram o alcance de uma postagem para um público altamente segmentado.

É bem possível que você deseje alcançar uma área geográfica inteira, com demografia específica, tipo de comportamento de compra ou interesse especial, para aumentar o envolvimento com sua página do Facebook e criar reconhecimento da marca. Se for esse o caso, então o impulsionamento pode ser o mais recomendado para você.


No entanto, se você estiver procurando além dos indicadores básicos listados acima, analise mais de perto os anúncios do Facebook.


Por exemplo: pode haver milhares, senão centenas de milhares, de mulheres solteiras, com idades entre 34 e 52 anos, num raio de 75 quilômetros quadrados de Belo Horizonte, Minas Gerais, que compraram um par de sapatos este ano e adoram cachorros. Se o seu mercado-alvo não incluir todas essas mulheres, os anúncios do Facebook são adequados para você.

Os Facebook Ads permitem que você crie um público-alvo personalizado usando o Pixel do Facebook, um código que é colocado no seu site para rastrear conversões de anúncios, otimizá-los, criar públicos-alvo para anúncios futuros e fazer re-marketing para pessoas que já utilizaram algum tipo de ação no seu site.


Além disso, você pode utilizar o Pixel do Facebook para criar públicos parecidos - pessoas adicionais que não estão atualmente na sua rede, mas têm características semelhantes e exibem os mesmos comportamentos que o público atual.


Beneficios dos anúncios de Facebook


Além dos recursos de segmentação muito melhores, há muito mais coisas que o Facebook Ads faz que o impulsionamento por si só não consegue entregar. Esses incluem:


  • Melhores opções de posicionamento: enquanto uma postagem impulsionada tem limitações de onde o anúncio será exibido (por exemplo, Instagram, feed de notícias para dispositivos móveis e computadores), o Facebook Ads oferece a capacidade de escolher onde exatamente seus anúncios serão exibidos: anúncios em Messenger, stories do Instagram, artigos instantâneos, rede de público-alvo, feeds de notícias para celular ou computador e anúncios laterais do feed de notícias do Facebook.


  • Públicos semelhantes: se você ainda não tem muitos seguidores no Facebook - ou se você tem, mas deseja continuar crescendo - utilizar os recursos de ‘Público semelhante’ do Facebook é uma ótima maneira de aumentar seu alcance para um público personalizado, permitindo que o Facebook o ajude a encontrar um público parecido ao que já está envolvido com seu produto ou serviço.


  • Período do dia: quando você impulsiona uma postagem, pode decidir em que horas do dia ela é exibida? Não. As postagens são postagens e estão lá por toda a eternidade, a menos que você as exclua. Os Anúncios do Facebook oferecem recursos de "Programação de anúncios" que permitem ativar e desativar seus anúncios durante um período de tempo especificado, de acordo com uma programação adequada às suas necessidades de marketing.


  • Rastreamento personalizado de conversão: depois de instalar o Pixel do Facebook, você poderá acompanhar as atividades no seu site em um nível quase microscópico. Que conteúdo foi visualizado? Quem completou o registro? O que foi comprado? O Facebook oferece mais de 40 valores de conversão personalizados, que permitem a hiper-personalização do público-alvo dos seus Facebook Ads. Deseja segmentar apenas pessoas que leem um blog específico ou clicaram em um link específico? Isso é fácil com o acompanhamento de conversões de clientes.


  • Objetivos específicos do anúncio: embora o impulsionamento permita que você se concentre nos cliques no site, no envolvimento da página e nas promoções de empresas locais, o Facebook Ads permite escolher objetivos específicos, como tráfego da loja, conversões e geração de leads.


  • Total controle criativo: Sim, você pode ser criativo com suas postagens impulsionadas do Facebook, mas não poderá criar anúncios de carrossel, adicionar descrições específicas ou usar botões de apelo à ação. Essas são apenas algumas das dezenas de opções de criativos disponíveis na plataforma do gerenciador de anúncios.


  • Recursos avançados de segmentação: existem algumas opções limitadas de segmentação disponíveis com postagens otimizadas, como interesses, idade e sexo, para as quais você pode direcionar suas postagens impulsionadas. No entanto, os anúncios do Facebook permitem segmentar com mais precisão; alcance um público personalizado para atender e maximizar a conscientização; aumentar o alcance, tráfego e engajamento; e alcançar objetivos de conversão. Além disso, os anúncios do Facebook se aprofundam muito mais com seus recursos de segmentação, permitindo que você crie tipos de públicos sobrepostos, públicos parecidos e muito mais.

Resumindo? Quando se trata de melhorar suas postagens atuais do Facebook ou criar anúncios no Facebook, a escolha do que é certo para você depende do seu objetivo final.


Você quer simplesmente aumentar o engajamento ou desenvolver o reconhecimento da marca? Então, impulsionar as postagens pode ser a solução certa para você.


Agora, se você está procurando ser extremamente estratégico e preciso com seu marketing, maximizar seus objetivos de campanha, seguir a jornada de compra, ter a capacidade de criar audiências hipersegmentadas, nutrir leads e criar um grande número de seguidores no Facebook? Os anúncios do Facebook são o melhor caminho.


Precisando de ajuda para montar suas campanhas de anúncios pagos? Nós podemos te ajudar!




Artigo publicado originalmente pela SmartBug.



Copyright © Prosperidade Conteúdos